Pesquisar
Close this search box.

Semana foi marcada por expressiva queda nas cotações de tomate

Apesar da desvalorização, preços se mantêm em patamares altos

Nesta semana, os preços do tomate passaram por um grande recuo em todos os atacados acompanhados pelo Hortifruti/Cepea. De acordo com colaboradores, a desvalorização do produto se deu em função da maior oferta, pois com as temperaturas mais altas nos últimos dias, a maturação se acelerou. Além disso, a safra de verão 2022/23 começa também a ganhar um pouco mais de força. O final de mês ainda contribuiu para o recuo nos valores de comercialização do produto. Vale lembrar que os preços estão em patamares bastante altos e, por isso, também não se sustentaram.

Sendo assim, a semana finalizou com os preços da seguinte maneira: na Ceagesp (SP), o tomate foi comercializado a R$ 80,00, recuo de 21,31% em relação à semana anterior; em Campinas (SP), os valores ficaram em R$ 95,00, 28,75% menor; em Belo Horizonte (MG), os preços foram de R$ 80,62, diminuição de 23,61% e, enquanto isso, no Rio de Janeiro (RJ), as cotações fecharam na média de R$ 64,41, 33,15% mais barato. É válido ressaltar que, a partir de quinta-feira (24), os preços do tomate passaram a apresentar alta no atacado de Belo Horizonte, com o produto sendo comercializado à média de R$ 105,00 nesta sexta-feira (25), já que a oferta se reduziu.

Fonte: Agrolink

AMVAC

AMVAC

As soluções da AMVAC proporcionam maior produtividade às culturas, contribuindo para uma agricultura melhor e mais sustentável, garantindo a longevidade do mundo.

COMPARTILHE!
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Print
Email