Pesquisar
Close this search box.

Morango em recuperação no Rio Grande do Sul

Correnteza do rio arrancou estufas e túneis baixos e os sistemas de irrigação

Conforme o Informativo Conjuntural divulgado pela Emater/RS-Ascar nesta quinta-feira (30/11), na região de Lajedo, em Bom Princípio, que havia se recuperado parcialmente da adversidade, danos novamente devido à intensa chuva ocorrida nos dias 17 e 18 de novembro. As enchentes resultaram em prejuízos consideráveis, deixando as plantações momentaneamente submersas.

Além dos impactos das enchentes, também houve registros de queda de granizo em algumas localidades. Essas características danificaram estruturas de estufas e plásticos, enquanto a correnteza do rio arrastou estufas, túneis baixos e sistemas de segurança.

Neste período, que marca a transição dos plantios para o campo para as culturas de verão, a produção de morangos cede espaço para outros cultivos, como melão, abobrinha, abóbora, pimentão, entre outros. O preço do morango tem oscilado significativamente na região, variando entre R$ 15,00 e R$ 18,00 por quilo para produtores com clientes regulares ao longo do ano.

Por outro lado, na região de Santa Rosa, as plantas de morango apresentam menor emissão de flores, enquanto o aumento da umidade tem contribuído para o aumento do podridão dos frutos, causado por doenças fúngicas. Nessa localidade, o preço do morango é comercializado a R$ 25,00 por quilo.

Fonte: Agrolink

Picture of AMVAC

AMVAC

As soluções da AMVAC proporcionam maior produtividade às culturas, contribuindo para uma agricultura melhor e mais sustentável, garantindo a longevidade do mundo.

COMPARTILHE!
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Print
Email