Pesquisar
Close this search box.

Agricultores têm dificuldades para receber insumos importados

Mercado enfrenta escassez de defensivos e fertilizantes. Brasil compra do exterior 76% dos produtos usados.

Produtores enfrentam atrasos na entrega de insumos agrícolas. O plantio de soja começou e muitos agricultores ainda não receberam os fertilizantes e defensivos.

O Brasil importa 76% dos ingredientes ativos e dos produtos formulados. Destes, 32% são da China, que tem repensado a sua política energética. Com isso, os produtos oriundos do fósforo amarelo, que é a matéria-prima do glifosato, do grifo zenato, do acefato, foram prejudicados no processo da cadeia de suplementos.

Além deste ponto, há o problema das linhas de frete, que em função da pandemia foram reduzidas para a América do Sul, fazendo o custo dos contêineres aumentar cerca de 4 vezes, explica o presidente da Associação das Empresas de Defensivos, Biodefensivos e Sementes, Christian Lohbauer.

Fonte: G1

Picture of AMVAC

AMVAC

As soluções da AMVAC proporcionam maior produtividade às culturas, contribuindo para uma agricultura melhor e mais sustentável, garantindo a longevidade do mundo.

COMPARTILHE!
Facebook
Twitter
LinkedIn
Telegram
WhatsApp
Print
Email